Casamento DIY: conheça as vantagens e desvantagens

Tempo de leitura: 5 minutos

Se você está noiva há algum tempo, então é bem provável que já tenha ouvido falar do casamento DIY. A possibilidade de Do It Yourself (Faça você mesmo, em tradução literal) chegou como uma tendência e arrebatou o coração das noivinhas.

Nada mais natural, já que representa a possibilidade de baratear um pouco os custos cada vez mais altos de uma cerimônia. Além disso, essa é uma ótima maneira de fazer com que seu grande dia tenha ainda mais personalidade.

Bem, hoje estou aqui para trazer algumas vantagens e desvantagens do método. Assim fica mais fácil saber como se decidir – lembrando sempre que não existe certo ou errado e sim aquilo que é o ideal para você. Portanto, siga sempre o que você quer e sonhou para o seu momento!

Vantagens do casamento DIY

Nada como começar pelos pontos positivos, certo? Pensando nisso listei algumas vantagens de seguir por esse caminho. Veja:

Possibilidade de economizar

Não tem como fugir: o casamento DIY é uma baita possibilidade de reduzir os gastos e dar uma economizada. O resultado é bem comum, já que, no lugar de contratar o serviço de alguém, o casal (ou os padrinhos) se envolve com a própria preparação. Essa é uma oportunidade de reduzir a contratação de terceirizados e tirar menos dinheiro do bolso.

Ainda assim, é bom tomar cuidado, pois nem sempre o casamento DIY sai mais barato – ou seja, essa está longe de ser uma relação direta. Existem alguns materiais incrivelmente mais caros que outros. Se você optar por algum deles, por exemplo, pode ser que acabe pagando mais caro ou até mesmo desperdiçando.

Isso significa que a economia só é efetiva nos casos em que existe tempo disponível e os noivos (ou envolvidos) tenham noção do que estão fazendo. Então, não perca tempo e saia pesquisando antes de incorporar as atividades. Pode ser que você encontre um bom preço e que valha a pena!

Oportunidade de personalizar o casamento

Pode ser um verdadeiro charme chegar a um casamento e ficar sabendo que os próprios noivos se envolveram com muitos dos preparativos. Você praticamente consegue perceber as mãos deles em tudo que foi feito – e acaba percebendo o carinho também.

A identidade visual faz toda diferença e essa pode ser uma forma eficiente de traduzir exatamente o que vocês queriam para esse momento.

Para fechar, não poderia deixar de citar que o casamento DIY faz com que existam mais memórias efetivas e os convidados vejam mais significado em tudo. Se você sonha com um casamento desse tipo, pode apostar que seus convidados vão amar!

Chance de estabelecer laços mais fortes

O DIY ainda pode ser uma ótima alternativa para unir o casal em um tempo de tanto estresse. É preciso muita determinação para fazer com que o casal conviva bem no período de preparativos – e o DIY praticamente “obriga” isso.

Eles passam pela produção juntos, compartilham sentimentos, ansiedades e várias outras coisas importantes. Portanto, não perca a oportunidade de “vibrar” ao lado do seu parceiro, curtir esse momento de preparação e tornar esse momento único e inesquecível para os dois!

Desvantagens do casamento DIY

Depois de saber tantos benefícios assim, é bem provável que esteja se perguntando se existe algum ponto negativo, certo? Pois bem, eles existem sim. Veja:

Não é aderente a todos os perfis

Os aparatos DIY podem ser lindos e super bem feitos, mas estão longe de combinar com qualquer casamento. É isso mesmo: eles não cabem em todos os estilos ou ainda em todas as cerimônias de casamento.

É claro que se você vai ter um casamento mais rústico, boho ou ainda romântico, os itens DIY podem ser responsáveis por todo sucesso. Por outro lado, as cerimonias mais clássicas e luxuosas, por exemplo, podem não combinar nada.

Imagine um lugar com todo o glamour e o excesso de artesanato. Difícil cair bem, concorda? Portanto, pense bem o que vai querer para não ter serviço atoa. O DIY pode ajudar muito, mas desperdiçar tempo em algo que não cabe no seu grande dia pode não fazer sentido!

A ideia pode não ser tão original

Muitas noivinhas pensam que vão fazer um DIY e que ele será uma super novidade, surpreendendo os convidados com originalidade. Como você deve imaginar, nem sempre é isso que acontece.

Como o DIY está em alta, muitos casamentos adotaram a medida. Isso faz com que ele não represente uma novidade para a maioria dos presentes (muito pelo contrário, podem acabar dando aquele ar de “mais do mesmo”).

É exatamente isso: garrafinhas com flores, almofadas, estante de pallets e todo o resto desse tipo. O conjunto é lindo e pode ser um charme, mas pode ser muito previsível também. Então, não se esqueça de planejar e dar aquele toque pessoal para que seus convidados percebam valor.

Cuide do acabamento

Quer coisa pior que pegar algum trabalho e perceber que o acabamento não é dos melhores? Triste, né? Pois bem, o casamento DIY deve ser muito bem finalizado, pois pode acabar passando uma imagem de desleixo ou falta de cuidado.

É claro que todo mundo entende que não estamos tratando de alguém profissional, mas, ao mesmo tempo, estamos falando do seu grande dia. Se perceber que o acabamento está deixando a desejar, volte atrás e tente outra alternativa.

Agora que você entende melhor como um casamento DIY tem prós e contras, cabe a você analisar com cuidado e pensar se essa é ou não uma boa alternativa para o seu momento. Se você está pensando em um casamento desse estilo, não pense duas vezes e abrace essa oportunidade!

E você, gostou das nossas dicas? Acompanhe essas e muitas outras no Instagram do Virei Noiva! Nos encontramos por lá!